• Goma Publicidade

  • Oseg Corretora de Seguros

Ronaldo aumenta o lobby por Adriano, mas diretoria é contra especulação

Ronaldo não consegue mais disfarçar o seu interesse em jogar ao lado de Adriano na próxima temporada, pelo Corinthians. “Não falei com o Adriano… Ah, não estou sendo verdadeiro. Não consegui enganar ninguém, não é?”, sorriu, pouco antes de confessar a conversa que manteve com o amigo. O atleta da Roma demonstrou interesse em aceitar o convite feito por seu companheiro de ataque na Copa do Mundo de 2006.

“Falei com o Adriano, e ele não está feliz na Roma, pois não vem jogando nem tem oportunidades”, finalmente reconheceu Ronaldo. “A partir do momento em que o Adriano resolver a sua situação com a Roma, as portas do Corinthians estarão abertas. É um grande jogador. E eu ainda senti certo desejo dele de vir jogar aqui”, complementou o astro.

O lobby feito por Ronaldo esbarra na diretoria. O presidente Andrés Sanchez mantém a postura de afastar qualquer especulação em relação a Adriano. “Se o Ronaldo assinar 10 cheques pré-datados, o Adriano pode aparecer no Corinthians”, ironizou, antes de se irritar com a insistência no assunto.

“Vamos deixar uma coisa bem clara: o Corinthians nunca tentou ligar para o Adriano, para o empresário dele e muito menos para a Roma. Como o Ronaldo e o Adriano são amigos e se falam todos os dias, isso virou uma bola de neve. Mas não vamos alimentar uma coisa que é quase impossível. Amanhã, se trouxermos o Zezinho e não o Adriano, será um escândalo!”, esbravejou Sanchez.

Ronaldo não acha a negociação tão complicada assim. “As coisas são simples”, definiu. O atacante lembrou de sua trajetória para provar que o Corinthians pode, sim, contratar Adriano. “Tudo depende da vontade do jogador. Falo isso por experiência própria. Mudei de clube algumas vezes, e sempre isso aconteceu porque briguei pelo que queria. Ninguém me deteve. Já tive prejuízos financeiros e esportivos com essas decisões, mas foi a minha vontade. Depende do Adriano.”

Após diversas negativas, até Andrés Sanchez reconheceu que a vontade de Adriano poderá viabilizar a transação – no passado, o Imperador já deixou a Internazionale para defender o Flamengo porque estava infeliz na Itália. “Se falarem que eu preciso tirá-lo da Roma, é impossível. Se o Adriano conseguir se livrar da Roma, sem problemas”, disse o presidente do Corinthians. O lobby de Ronaldo, portanto, começou a surtir efeito.

Gazeta Esportiva

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: