• Goma Publicidade

  • Oseg Corretora de Seguros

Verdão busca obrigação contra Comercial-PI: vitória e classificação

A história do futebol mostra a possibilidade do imponderável, mas nem o torcedor mais pessimista do Palmeiras se arrisca a pensar na chance de um desastre diante do Comercial-PI. Nesta quarta-feira, às 21h50, no Pacaembu, o elenco alviverde carrega a “simples” responsabilidade de derrotar o adversário e seguir para enfrentar o Uberaba (MG) pela segunda fase da Copa do Brasil.

A obrigação da equipe do técnico Luiz Felipe Scolari é impor a sua força de grande contra um adversário que admite ter o nível de quarta divisão. “Vamos entrar para ganhar como sempre entramos, não podemos ficar torcendo e esperando as coisas acontecerem”, reconhece o goleiro Deola.

Junto com a superioridade técnica, o Palmeiras carrega uma importante vantagem no confronto. Na partida de ida, o Verdão abriu 2 a 0 e só não obteve a classificação antecipada na cidade de Teresina porque levou um gol de cabeça no fim, em um lance que deixou Felipão furioso.

Para evitar novas surpresas, o elenco do Palmeiras mantém respeito ao adversário desta quarta-feira. “O jogo é difícil, não existe mais esse negócio de time pequeno, o Mirassol está na liderança do Paulista, o Americana também estava em cima na competição. Já vimos equipes grandes serem eliminadas”, alerta Deola.

A confiança alviverde fica, todavia, mais forte com os elogios de Felipão após o clássico contra o São Paulo, pelo Campeonato Paulista. O técnico ressaltou o poder de reação do Palmeiras em um clássico conturbado disputado no estádio do Morumbi.

“Foi um dos melhores jogos do time dentro do que pretendemos, dentro da parte física e tática. É difícil enfrentar o São Paulo. É a prova de que podemos progredir mais”, projeta o comandante do pentacampeonato mundial da seleção brasileira em 2002.

Na escalação, a expectativa da torcida palmeirense é por novidades no ataque nesta quarta-feira, com a presença de Adriano, herói contra o São Paulo, no lugar de Luan ou Tinga. Contudo, Felipão só deve soltar a escalação momentos antes de a bola rolar.

Satisfeito? – Com a derrota por somente um gol de diferença na semana passada, o Comercial-PI conseguiu o sonho de visitar a capital paulista para enfrentar o Palmeiras pela segunda vez. O técnico Aníbal Lemos receita que a equipe de Teresina não pode entrar em campo com medo de sofrer uma goleada no Pacaembu.

“Há uma grande diferença de estrutura entre os times, mas devemos saber que dentro de campo, olho no olho, todos são iguais”, disse o treinador, que deve manter a mesma escalação do encontro de ida.

FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS x COMERCIAL-PI

Local: Estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)
Data: 02 de março de 2011, quarta-feira
Horário: 21h50 (de Brasília)
Árbitro: Marcio Chagas da Silva (RS)
Assistentes: Marcelo Bertanha Barison e Tatiana Jacques de Freitas (ambos RS).

PALMEIRAS: Deola; Cicinho, Danilo, Thiago Heleno e Gabriel Silva; Marcos Assunção, Márcio Araújo, Tinga e Valdívia; Luan (Adriano) e Kleber
Técnico: Luiz Felipe Scolari.

COMERCIAL-PI: Neto; Barata, Alisson, Rafael e Thiago; Ivan, Evandro, Binha e Isael; Toni e Zé Rodrigues
Técnico: Anibal Lemos.

Gazeta Esportiva

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: