• Goma Publicidade

  • Oseg Corretora de Seguros

Apesar de prova ruim na Turquia, Massa enaltece melhora da Ferrari

O brasileiro Felipe Massa não teve uma boa corrida na Turquia, no último final de semana. Cheio de problemas, ele não conseguiu terminar no Top 10. No entanto, viu o companheiro de time, Fernando Alonso, chegar ao pódio – primeiro da equipe no ano – e reconheceu que a Ferrari melhorou em relação às últimas provas.

Massa sofreu com problemas durante toda a prova e cruzou a linha de chegada apenas na 11ª colocação. No entanto, o desempenho considerado um tanto decepcionante não mascarou o bom final de semana da equipe, que conseguiu melhorar tanto na corrida como principalmente no treino classificatório.

“Se olhar o meu recorde em Istambul, esse obviamente foi um resultado decepcionante. Terminei em 11º quando poderia ter brigado pelo quarto lugar, e isso por causa dos fracos pit stops que fizemos. Porém, olhando pelo lado positivo, as atualizações aerodinâmicas melhoraram nosso carro, o que pode ser visto pelo pódio de Fernando, nosso primeiro no ano”, explicou.

“Mesmo que tivéssemos tido dificuldade no qualifying e não fôssemos à pista no Q3 para salvar os pneus, a diferença de velocidade entre o treino e a prova diminuiu, porque fomos bem no sábado e demos um grande passo à frente com o carro para o domingo, o que indica que o carro está melhorando”, contou.

Após elogiar a Ferrari, Massa não escondeu o descontentamento com sua prova no circuito de Istambul Park, muito prejudicada por problemas ocorridos principalmente nas idas aos boxes por parte do brasileiro – e a equipe italiana o atrapalhou mais uma vez. No entanto, ele foi polido e não criticou diretamente seu time, pedindo apenas uma melhora para as próximas provas.

“Posso dizer que os problemas foram muitos, porque sem eles eu com certeza brigaria para chegar entre os cinco primeiros. Foi frustrante para mim e para o time. Treinamos muito os pit stops, mas no domingo eles simplesmente não funcionaram. Precisamos estudar o problema e tentar ser mais consistentes, porque um vacilo na troca de pneus pode causar uma perda de posição, como aconteceu comigo em Istambul”, lamentou.

Fonte Gazeta Esportiva.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: