• Goma Publicidade

  • Oseg Corretora de Seguros

Verdão volta de Minas preocupado com aproveitamento fora de casa

Se venceu todas as quatro partidas em que foi mandante neste Campeonato Brasileiro, o Palmeiras não foi além de três empates e uma derrota como visitante. Estatística que explica a quinta colocação na tabela, a quatro pontos do líder Corinthians, que tem um jogo a menos. Fatores que ocupavam a mente dos atletas no desembarque de Minas Gerais nesta sexta-feira.

“Temos que melhorar o nosso aproveitamento fora de casa. Aí as coisas vão começar a andar melhor para nós”, comentou o goleiro Deola, insatisfeito com o 1 a 1 diante do América-MG nessa quinta-feira. “O empate foi uma circunstância. Gostaríamos muito mais de ter vencido. Conquistar ponto fora de casa é sempre bom, mas empatar neste campeonato não é muito bom.”

Lincoln parecia um dos mais chateados, deixando clara a sensação de que, em vez de somar um, o time perdeu dois pontos. “Infelizmente não conseguimos a vitória. Tivemos a oportunidade de sair com a vitória, mas saímos com um ponto só”, disse o meia, alertando para o clássico de domingo, contra o Santos. “Não dá para ficar lamentando. Já temos um jogo muito difícil pela frente”, apontou.

Como ânimo, há quem lembre que, ao menos, o Verdão mais uma vez terminou uma partida somando pontos, como ocorreu em quase todos os compromissos do clube neste Brasileirão – a única exceção foi a derrota para o Ceará, em Fortaleza. Desempenho que comprova a regularidade da equipe.

“Ninguém ficou satisfeito, queríamos a vitória. Mas buscar um ponto fora e fazer o resultado em casa é importante em um campeonato de pontos corridos como é o Brasileiro”, defendeu Maurício Ramos. “O grupo está de parabéns. Está de grande tamanho este empate”, continuou o zagueiro.

De acordo com Marcos Assunção, que foi capitão do time na Arena do Jacaré na ausência de Kleber, é preciso também valorizar o adversário. “O Palmeiras sempre tem obrigação de ganhar, independentemente contra quem e onde é o jogo. Mas somamos ponto, empatamos fora. O América-MG está lá em baixo, mas tem jogadores de qualidade que dificultaram nosso jogo”, afirmou o volante.

O técnico Luiz Felipe Scolari, que reprovou a atuação de seus comandados diante de um clube que está na zona de rebaixamento, concorda com o meio-campista. “Não podemos falar muita coisa, não jogamos bem. O empate foi até bom”, comentou o treinador.

Fonte A Gazeta Esportiva.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: