• Goma Publicidade

  • Oseg Corretora de Seguros

Brasil faz 3 a 0 na Argentina e vai à final da Liga Mundial

A seleção brasileira sofreu um pequeno susto, mas venceu a semifinal da Liga Mundial de vôlei. Enfrentando a renovada Argentina, a equipe teve dificuldade principalmente no segundo set e no terceiro sets, mas garantiu a vitória por 3 a 0 em parciais de 25/22, 42/40 e 25/23, após duas horas de partida.

A partida mostrou um grande poder de superação do elenco brasileiro, que ficou muitas vezes atrás no placar frente aos argentinos, que vinham em ótima fase na competição e garantiram o primeiro lugar do Grupo F praticamente por antecipação (só uma combinação improvável de resultados na última rodada tiraria os hermanos do caminho do Brasil).

Demonstrando tranquilidade até quando errava, o Brasil não desperdiçou as poucas oportunidades que teve e contou com vários erros da arbitragem a seu favor, principalmente na segunda parcial. Independente disso, o elenco canarinho avança à decisão e agora enfrenta o vencedor do confronto entre Rússia e Polônia, disputado a partir das 15h (de Brasília) deste sábado.

O JOGO – No primeiro set, o Brasil demonstrou o entrosamento e controle de jogo já conhecidos do público, mas que foram postos em dúvida após uma atribulada fase final. No entanto, chegou a ver os rivais ficarem na frente no marcador em 11 a 9, para então iniciar uma sonora reação que levou o time à vitória em 25 a 22 – é a primeira vez que o time do técnico Bernardinho vence o primeiro set em um jogo da fase final.

O segundo set foi mais disputado que o anterior, a exemplo das partidas anteriores da fase final. A Argentina chegou a ficar na frente no placar em alguams ocasiões entre o primeiro e o segundo tempo técnicos, mas levou a virada do Brasil – ainda que nunca conseguisse deslanchar e, com falhas individuais, acabasse cedendo o empate aos rivais em 19 a 19.

Em seguida, os brasileiros tiveram algumas chances de fechar a parcial, mas erros dos atletas e principalmente da arbitragem mantiveram a disputa viva e até mais inclinada a uma vitória argentina. Salvos pelos confusos árbitros mais pelo menos duas vezes, os brasileiros estenderam o set até incríveis 42 a 40, no que foi o set mais longo da competição até aqui.

Após cerca de dez minutos de descanso, o terceiro set começou com a mesma velocidade dos anteriores, mas o Brasil se valeu do melhor momento na partida e conseguiu ficar na frente no placar até a primeira parada técnica. Depois, viu o time rival virar o jogo e fazer 16/15 no segundo tempo técnico.

A partir dali, o Brasil virou o jogo e, com uma boa sequência de acertos de ataque e bloqueio, chegou a fazer 20 a 16. Os hermanos respiraram, e chegaram a encostar em 20 a 19, mas o Brasil soube se manter na frente do placar e fazer 25/23 após exatas duas horas de partida.

Fonte A Gazeta Esportiva.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: